Sobre desperdício

Pitter Ellwanger 23/08/2019
pitter@jornaldoisirmaos.com.br

pitter@jornaldoisirmaos.com.br

Não sei se tenho maturidade emocional e juventude cardíaca para uma final de Copa do Brasil com clássico GRE-NAL. Os dois times construíram boa vantagem nos jogos de ida das semifinais, contra Athletico-PR e Cruzeiro, mas em futebol não existe páreo corrido. Dos dois lados, aliás, há quem pense (e torça para isso) que o outro ainda pode tropeçar. O jeito é esperar pelo dia 4.
Desligando os secadores pelo menos por ora, o fato é que uma final entre Grêmio e Inter, que não seja pelo campeonato estadual, está muito perto de acontecer. E o mais incrível: se os dois times realmente se classificarem, a decisão do título deve se dar nos dias 11 e 18 de setembro, em meio à Semana Farroupilha. Na semifinal da Libertadores, o possível confronto ficou mais distante – por razões óbvias. Apesar de acreditar na ‘imortalidade’ e não duvidar da força do Beira-Rio, vejo como muito difícil a classificação de ambos. A propósito, quero me dirigir a um dos culpados por isso, que tem nome e sobrenome: LUIZ FELIPE SCOLARI.


*
Ah, Felipão... 
Perdeste o pouco que lhe restava de ‘alegria nas pernas’ depois daquela tunda de 2014. Tu sempre foste adepto do futebol de resultado, e assim marcou para sempre o teu nome na história do nosso Grêmio. Mas nada que se compare ao que vens fazendo com este Palmeiras. 
Aquele time da década de 90 era uma maçaroca de refugos que se transformaram em grandes valores. Não tinha o futebol envolvente destes tempos de endeusamento à posse de bola (nem sempre produtiva), ainda assim aliava competitividade a um desempenho mais vistoso.


Mas este teu Palmeiras, francamente...
É o maior desperdício de talento por centímetro quadrado de campo já visto na história do futebol. (Eu sei, talvez não seja para tanto, mas ocorre que não quero estragar a frase e a dimensão do que pretendo expressar.) Tu te dás ao luxo de não precisar definir 11 titulares, apenas, e de deixar no banco nomes que na maioria dos clubes brasileiros vestiriam a ‘10’ e ostentariam a braçadeira de capitão. (Eu sei, a inveja é uma merda!!!)


Ah, Felipão...
Sei que estás ‘andando e cagando’ para o que penso e que, felizmente, este texto não chegará (nunca) ao seu vestiário. Caso contrário, numa espécie de delírio, até consigo ver Felipe Melo, o seu Dinho de 2019, rosnando nos microfones contra esse ‘jornalistazinho do interior’ e xingando minha querida mãezinha. Gostando ou não, o fato é que o teu Palmeiras tem poderio para ser campeão da América e do Brasil. E, como todo torcedor de clube, preciso admitir: entre posse de bola e posse de taça, nada supera o prazer da segunda.


*
Voltando ao jogo da semana...
Em futebol, salvo algum erro grosseiro de arbitragem, vitórias não se contestam. 
Não adianta acertar a trave adversária dez vezes se, ao final do jogo, a única bola que entra é a do único contra-ataque organizado por seu rival. Na última terça, o Grêmio sequer teve uma grande chance para marcar. O estilo de jogo dos comandados de Renato Portaluppi se mostrou improdutivo diante do bem organizado sistema de marcação preparado por Felipão. Duro, mesmo, é ver que as principais oportunidades de gol criadas pelos palmeirenses nasceram em cobranças de lateral. 
Não é choro de perdedor. Longe disso. Compreendo perfeitamente que cada time tem merecimento por suas conquistas, mas que esse Palmeiras é um caso de desperdício, ah, isso é... Desculpa aí, Felipão!


› Compartilhe

COLUNAS

  • Anúncio Jornal

COLUNAS

É TEMPO DE PROSPECTUS!

É TEMPO DE PROSPECTUS!

Coluna da Fé   29/10/2019

De quem é a responsabilidade?

De quem é a responsabilidade?

Opinião   15/10/2019

Honra aos professores!

Honra aos professores!

Coluna da Fé   15/10/2019

Inveja merecida

Inveja merecida

Pitter Ellwanger   11/10/2019

Playlist 14

Playlist 14

Pitter Ellwanger   11/10/2019

Sínodo da Amazônia

Sínodo da Amazônia

Coluna da Fé   09/10/2019

Muralhas

Muralhas

Coluna da Fé   04/10/2019

“NÃO DÁ NADA”

“NÃO DÁ NADA”

Opinião   01/10/2019

E que a terra te seja leve!

E que a terra te seja leve!

Alan Caldas   30/08/2019

Tolerância intolerável

Tolerância intolerável

Pitter Ellwanger   30/08/2019

Playlist #13

Playlist #13

Pitter Ellwanger   30/08/2019

Isso era no tempo da tua avó!

Isso era no tempo da tua avó!

Alan Caldas   23/08/2019

Playlist #12

Playlist #12

Pitter Ellwanger   23/08/2019

E a dor de barriga?

E a dor de barriga?

Pitter Ellwanger   17/08/2019

Playlist #11

Playlist #11

Pitter Ellwanger   17/08/2019

Você tem saudade de quê?

Você tem saudade de quê?

Alan Caldas   09/08/2019

Iguais e diferentes

Iguais e diferentes

Pitter Ellwanger   27/07/2019

Playlist #10

Playlist #10

Pitter Ellwanger   27/07/2019

Meio século de esperança

Meio século de esperança

Alan Caldas   19/07/2019

Com o tempo você . . .

Com o tempo você . . .

Alan Caldas   12/07/2019

Na certeza, duvide

Na certeza, duvide

Pitter Ellwanger   12/07/2019

Playlist #9

Playlist #9

Pitter Ellwanger   12/07/2019

Elas sempre sabem

Elas sempre sabem

Pitter Ellwanger   09/07/2019

Playlist #8

Playlist #8

Pitter Ellwanger   09/07/2019

Nunca é demais

Nunca é demais

Pitter Ellwanger   01/07/2019

Playlist #7

Playlist #7

Pitter Ellwanger   01/07/2019

Retalhos

Retalhos

Pitter Ellwanger   21/06/2019

Playlist #6

Playlist #6

Pitter Ellwanger   21/06/2019

Longa vida ao menino

Longa vida ao menino

Pitter Ellwanger   14/06/2019

Playlist #5

Playlist #5

Pitter Ellwanger   14/06/2019

Alguém já viu o bicho da chuva?

Alguém já viu o bicho da chuva?

Alan Caldas   03/06/2019

Rótulos simpáticos

Rótulos simpáticos

Pitter Ellwanger   01/06/2019

Playlist #4

Playlist #4

Pitter Ellwanger   01/06/2019

A culpa é do celular

A culpa é do celular

Pitter Ellwanger   29/05/2019

Playlist #3

Playlist #3

Pitter Ellwanger   29/05/2019

Playlist #2

Playlist #2

Pitter Ellwanger   21/05/2019

Querer é poder?

Querer é poder?

Pitter Ellwanger   21/05/2019

Muito a evoluir

Muito a evoluir

Pitter Ellwanger   18/04/2019

Playlist #1

Playlist #1

Pitter Ellwanger   18/04/2019

FOTOS DO DIA

Vale Germânico respira cultura e tradição (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • JDI assinatura
  • JDI classificados

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS