Dezembro é o mês com mais mortos por covid-19 no Rio Grande do Sul

05/01/2021
Fonte: GZH

Fonte: GZH

Com quase 1,9 mil vítimas, dezembro de 2020 foi o mês com mais mortos pelo coronavírus no Rio Grande do Sul, segundo dados da Secretaria Estadual da Saúde (SES). Médicos destacam que o recorde não é apenas registro do passado, mas a antessala para uma provável piora da pandemia no Estado em janeiro, após as festas de fim de ano.

Dezembro teve 16% mais mortes do que agosto, até então o mês mais mortífero da pandemia no RS, e 62% mais vítimas do que novembro. Outubro fora um curto período de respiro no qual a situação melhorara no Rio Grande do Sul após o inverno. Desde março, mais de 9 mil pessoas morreram por covid-19 no Estado. A piora da pandemia no último mês do ano passado também é uma tendência nacional: reportagem de GZH publicada no sábado (2) mostrou que, no Brasil, dezembro teve 65% mais mortes por covid-19 do que em novembro. Comparado a outros Estados brasileiros, o Rio Grande do Sul tem, nos últimos sete dias, o quarto maior número de mortos a cada 100 mil habitantes, atrás apenas de Mato Grosso do Sul, Rondônia e Espírito Santo.

No histórico da pandemia, o RS tem o sexto menor número de mortes, levando em conta o tamanho da população – em melhor posição estão Minas Gerais, Bahia, Maranhão, Paraná e Santa Catarina, ainda conforme dados do Palácio Piratini. A pandemia no Rio Grande do Sul está também pior do que em países europeus. Na última semana, o Estado contabilizou 4,06 mortos a cada cem habitantes, o dobro da média nacional e pior do que França (3,51) e Espanha (2,17), ainda segundo dados do Piratini. No histórico da pandemia, já tem proporcionalmente mais mortos do que Portugal. 


› Compartilhe

  • Instagram

COLUNAS

 “No Humano um brilho sem igual”

“No Humano um brilho sem igual”

Coluna da Fé   07/01/2021

Qual número você calça?

Qual número você calça?

Opinião   22/12/2020

Como vencer a fadiga da pandemia

Como vencer a fadiga da pandemia

Coluna da Fé   22/12/2020

FOTOS DO DIA

Esperando o dono na porta do mercado, até porque sem máscara não pode entrar (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela