Pesquisa aponta o impacto da pandemia da Covid-19 no mercado esportivo

05/10/2020
Fonte: Universidade Feevale

Fonte: Universidade Feevale

A pandemia causada pelo coronavírus vem afetando as empresas que atuam na prestação de serviços em atividades físicas e esportivas no Rio Grande do Sul. Para conhecer o cenário dessas organizações diante do impacto das ações de distanciamento social, pesquisadores da Universidade Feevale e da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) desenvolveram a pesquisa O impacto da Covid-19 nas empresas de prestação de serviços em atividades físicas e esportivas no Estado do Rio Grande do Sul.   
Os estudos, coordenados pelos professores Marcelo Curth (Feevale) e Eduardo Merino (UFPel), contaram com a colaboração dos acadêmicos Aline Reis de Vasconcellos, Nathielen de Souza, Charles Eduardo da Cruz do Amaral, Paulo Neves e Ícaro Schultze. A coleta de dados ocorreu em julho e agosto, com a aplicação de um questionário junto às empresas registradas no Conselho Regional de Educação Física (CREF-RS). A amostra apresentou o erro amostral de 5% e 95% de nível de confiança, o que demonstra consistência estatística para a consideração dos resultados. 
Segundo o professor Marcelo Curth, a pesquisa mostrou o impacto do planejamento para que não houvesse diminuição nas mensalidades e a importância da qualificação da equipe para os conteúdos disponibilizados de maneira virtual. “Além disso, deixou claro que as empresas não possuíam o virtual como elemento de desenvolvimento do negócio, não tendo investido em treinamentos de colaboradores para a utilização de plataformas digitais, o que causou, nos clientes, a percepção de baixa qualidade”, afirma.  
 

ALGUNS RESULTADOS
Relação entre o treinamento de colaboradores para a utilização de tecnologia e o possível fechamento do negócio: 
- 94,4% das empresas que fecharam ou diminuíram as atividades não realizaram treinamentos com colaboradores para utilização de plataformas digitais. 
Relação entre a redução de valor na mensalidade e o planejamento formalizado na empresa: 
- 50% das empresas que faziam planejamento formalizado não reduziram as mensalidades. 
Relação entre a utilização de recursos (empréstimos, valores investidos) e o planejamento formalizado na empresa: 
- 23% das empresas que faziam planejamento não utilizaram nenhum tipo de recursos extra (empréstimos, utilização de valores investidos ou recursos governamentais). 
- 23% das empresas que faziam planejamento realizaram empréstimos (bancos comerciais ou familiares). 
Relação entre o planejamento e o treinamento de colaboradores: 
- 65% das empresas que disseram realizar planejamento não desenvolveram treinamentos com colaboradores para utilização de plataformas digitais.  

 


› Compartilhe

  • Instagram

COLUNAS

Senhor, ensina-me a orar

Senhor, ensina-me a orar

Coluna da Fé   23/10/2020

Misericórdia divina

Misericórdia divina

Coluna da Fé   23/10/2020

A dignidade da família

A dignidade da família

Coluna da Fé   21/10/2020

FOTOS DO DIA

A beleza do beija-flor captado em pleno voo pelo fotojornalista Octacílio Freitas Dias

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela