33ª edição da Oktoberfest de Igrejinha é transferida para 2021

07/07/2020
(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

O ano de 2020 tem sido um diferente na vida de toda a sociedade. Para a comunidade de Igrejinha, que organiza através da mobilização de três mil voluntários a sua Oktoberfest, haverá uma mudança significativa: a data de realização da 33ª edição do evento será alterada para 2021. O anúncio foi feito pela diretoria da Associação de Amigos da Oktoberfest de Igrejinha (AMIFEST), que analisou diversas circunstâncias e decidiu que o caminho mais seguro a tomar é remarcar a festividade por conta dos impactos da pandemia do novo coronavírus neste ano. A 33ª Oktoberfest acontecerá de 15 a 24 de outubro de 2021.
O presidente da AMIFEST, Tiago Itamar Petry, explica que a decisão foi tomada levando em conta diversos aspectos. “Não conhecemos e ainda não é possível prever a situação do coronavírus e o seu desenrolar, bem como não há segurança quanto à disponibilização de vacinas no país. É preciso levar em conta que qualquer formato de evento geraria aglomerações, e sempre reforçamos que a saúde e a segurança dos nossos visitantes estão em primeiro lugar”, comenta. O presidente lembra que, até o momento, os grandes eventos estão proibidos pela legislação estadual e municipal e não há qualquer previsão sobre liberação. “A AMIFEST tem responsabilidade civil sobre fatos ocorridos ou atribuídos aos seus eventos e não há cobertura de seguros para situações de pandemias”, explica.
Petry lembra que o evento é operado quase que totalmente pela força do trabalho voluntário e, por isso, em um cenário de pandemia, também não é possível assegurar a presença de todos e, tampouco, garantir a segurança. O impacto financeiro também precisa ser mensurado em um evento do porte da Oktoberfest e foi analisado pela diretoria. Entre estes aspectos, há provável diminuição da capacidade econômica dos visitantes e, também, patrocinadores já sinalizaram com eventuais cancelamentos ou reduções, além de que, no momento, optam por não associar suas marcas a situações de riscos. A festa ainda exige necessidade de contratações antecipadas, como shows nacionais e infraestrutura. Tiago menciona que estes riscos combinados podem comprometer receitas e impactar nos repasses nesta edição e em anos seguintes.
Por fim, outro aspecto que precisa ser levado em conta é o cronograma, que teria prazos exíguos para organização e divulgação do evento, bem como a dificuldade de tempo para implementar eventuais alterações exigidas pelas autoridades. Também há acúmulo de outras festividades prorrogadas para o final de 2020 e, ainda, as eleições municipais, que foram remarcadas para novembro.


Sobre a Oktoberfest de Igrejinha
Desde 1988 a comunidade de Igrejinha, cidade localizada a 90 quilômetros da capital Porto Alegre, realiza sua Oktoberfest. Três mil voluntários, da cidade e região, trabalham para celebrar a cultura germânica através de shows musicais, gastronomia tradicional, produtos coloniais, chope, jogos germânicos, mostras culturais, desfiles e bandinhas típicas. Informações em www.oktoberfest.org.br.


› Compartilhe

COLUNAS

Assumir a responsabilidade que compete

Assumir a responsabilidade que compete

Coluna da Fé   06/08/2020

Devagar mas sempre

Devagar mas sempre

Coluna da Fé   06/08/2020

Condição irrecusável

Condição irrecusável

Coluna da Fé   04/08/2020

FOTOS DO DIA

Lua cheia de graça (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela