Câmara faz audiência com a Corsan

08/05/2019
Encontro aconteceu na noite de terça-feira

Encontro aconteceu na noite de terça-feira

A Câmara de Vereadores de Morro Reuter realizou audiência pública com a Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan), nesta terça-feira (8), para tratar do problema da falta de água no município. A entidade esteve representada pelo superintendente Alexandre Calvetti, da Superintendência Regional Sinos, e pelo gerente de Dois Irmãos, Oneide Castro, que também responde pelo abastecimento em Morro Reuter.
O encontro durou uma hora e meia. Inicialmente, o superintendente deu detalhes de obras realizadas e andamento no sistema de Dois Irmãos, que por consequência representa melhorias no abastecimento de Morro Reuter. “O que outrora foi promessa está se cumprindo. Até metade do ano passado, havia uma expectativa de já estar com uma ETA compacta em Dois Irmãos para melhorar o abastecimento de toda a cidade de Dois Irmãos e de Morro Reuter, por ser um sistema integrado. Algumas obras já foram concluídas e outras estão em andamento. Demorou, mas nada do que foi prometido vai ser deixado de cumprir”, comentou Alexandre, citando que Morro Reuter possui cerca de 1.750 economias. 
Ele disse, ainda, que o município possui quatro poços e que a Corsan trabalha para disponibilizar mais um. “O lençol freático está longe de ter capacidade para atender Morro Reuter, mas esses quatro poços auxiliam”, afirmou o superintendente, referindo-se à dependência do sistema de Dois Irmãos. No espaço para perguntas, os vereadores Wanderlei Behling (SD), popular Pitcha, e Daniel Theisen (PP) cobraram mais investimentos da Corsan. “Aqui em Morro Reuter há pouco investimento. No próximo verão, o que o município terá da Corsan: a visão de caminhão-pipa subindo para ajudar a abastecer ou vocês vão dar conta?”, questionou Pitcha, que foi quem propôs a audiência.


QUASE NINGUÉM
A audiência ocorreu antes da sessão e, quando começou, havia apenas duas pessoas na plateia. Mais tarde, alguns vereadores protestaram na tribuna. “Hoje a população mostrou o quanto falta água no município”, disse Guido Dilkin (MDB). “Acredito que não tem falta de água, que era mais para incomodar do que trazer a realidade para esta casa. Foi a segunda ou terceira audiência com a Corsan e é sempre a mesma coisa. Se alguém tiver problema, que ligue diretamente para Corsan. Hoje era o dia da população estar presente, e ela não esteve. A partir de hoje se bota uma pedra em cima da água de Morro Reuter”, disse Guido.
O presidente José Inácio Ternus (PDT) também lamentou a falta de público. “Pelo jeito as pessoas gostam mais de postar nas redes sociais e ficar reclamando do que se fazer presente. É de se lamentar que a comunidade que tanto reclama da falta de água não compareceu. A Câmara de Vereadores fez o seu papel em chamar a audiência”, afirmou.


› Compartilhe

  • Anúncio Jornal

COLUNAS

E que a terra te seja leve!

E que a terra te seja leve!

Alan Caldas   30/08/2019

Tolerância intolerável

Tolerância intolerável

Pitter Ellwanger   30/08/2019

Playlist #13

Playlist #13

Pitter Ellwanger   30/08/2019

FOTOS DO DIA

Só pelo feriado – Companheiro de todas as horas também merece descanso (Foto: Thaís Lauck)

  • JDI assinatura
  • JDI classificados

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela