IBGE abre quase 500 vagas temporárias na região para Censo 2020

09/03/2020
Inscrições vão até 24 de março

Inscrições vão até 24 de março

Estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo Simplificado do Censo 2020. Na região coordenada pela Agência do IBGE em Novo Hamburgo, são quase 500 vagas divididas entre 12 municípios: 432 de recenseador, 12 de Agente Censitário Municipal (ACM) e 53 de Agente Censitário Supervisor (ACS). As inscrições vão até 24 de março. O edital pode ser conferido no site https://censo2020.ibge.gov.br/trabalhe-no-censo.html. Mais informações pelos telefones (51) 3594-2560 e (51) 3595-4215.
Para as vagas de recenseador, o pré-requisito é ter Ensino Fundamental completo. A remuneração é variável e será calculada por produção, em cada setor censitário. A previsão de duração do contrato é de três meses, podendo ser prorrogado. Já para agente censitário municipal e agente censitário supervisor, é necessário ter Ensino Médio completo. Os salários são de R$ 2,1 mil (censitário municipal) e R$ 1,7 mil (censitário supervisor). A previsão de duração do contrato é de até cinco meses, também podendo ser prorrogado. A inscrição custa R$ 23,61 para a função de recenseador e R$ 35,80 para as demais.
No Rio Grande do Sul, são 12.899 vagas temporárias no total: 11.155 de recenseador, 1.366 de ACS e 378 de ACM. No país, de acordo com informações do IBGE, são mais de 208 mil vagas: 180.557 para a função de recenseador, distribuídas em 5.569 municípios; 5.462 para ACM e 22.676 para ACS, distribuídas em 4.612 municípios.

CENSO 2020
O Censo Demográfico deste ano está previsto para ser aplicado entre agosto e outubro nos cerca de 71 milhões de domicílios brasileiros. O objetivo é retratar o Brasil na última década e dar perspectivas aos próximos dez anos. O questionário básico terá 25 questões, nove a menos do que em 2010. Já o da amostra, aplicado em 10% dos lares, terá 26 perguntas a menos do que no último levantamento, totalizando 76 questões. Os temas abordados são características dos domicílios, identificação étnico-racial, nupcialidade, núcleo familiar, fecundidade, religião ou culto, deficiência, migração interna ou internacional, educação, deslocamento para estudo, trabalho e rendimento, deslocamento para trabalho, mortalidade.


Campo Bom
Recenseador: 61
ACM: 1
ACS: 7


Dois Irmãos 
Recenseador: 31
ACM: 1
ACS: 3


Estância Velha
Recenseador: 45
ACM: 1
ACS: 5


Ivoti
Recenseador: 23
ACM: 1
ACS: 3


Lindolfo Collor
Recenseador: 7
ACM: 1
ACS: 1


Linha Nova
Recenseador: 2
ACM: 0
ACS: 0


Morro Reuter
Recenseador: 9
ACM: 1
ACS: 1


Novo Hamburgo
Recenseador: 231
ACM: 3
ACS: 30


Presidente Lucena
Recenseador: 3
ACM: 0
ACS: 0


Picada Café
Recenseador: 6
ACM: 1
ACS: 1


São José do Hortêncio
Recenseador: 5
ACM: 1
ACS: 1


Santa Maria do Herval
Recenseador: 8
ACM: 1
ACS: 1


› Compartilhe

COLUNAS

Assumir a responsabilidade que compete

Assumir a responsabilidade que compete

Coluna da Fé   06/08/2020

Devagar mas sempre

Devagar mas sempre

Coluna da Fé   06/08/2020

Condição irrecusável

Condição irrecusável

Coluna da Fé   04/08/2020

FOTOS DO DIA

Lua cheia de graça (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

BOLETIM CORONAVÍRUS
06/08/2020SAÚDE
BOLETIM CORONAVÍRUS
Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela