“É preciso ter dados mais apurados”, diz governador sobre mudanças em decreto

13/04/2020
Fonte: GaúchaZH

Fonte: GaúchaZH

O governador Eduardo Leite voltou a reforçar na manhã desta segunda-feira (13) que o decreto que proibiu o comércio em todos os municípios do Rio Grande do Sul de 1º a 15 de abril pode ser revisto depois do dia 15, com flexibilização do distanciamento ou restrições mais amplas de acordo com as regiões. Para isso, precisa ter mais informações sobre a evolução da pandemia de coronavírus em cada uma delas.
— É preciso ter dados mais apurados. A qualquer sinal de alguma inflexão (na evolução de casos), podemos atuar pontualmente — explicou Leite.
Na semana passada, ele chegou a flexibilizar as regras e, desde o dia 9, os municípios passaram a ter autonomia para decidir sobre o funcionamento de restaurantes, lancherias, salões de beleza e lojas de chocolate, mantendo a proibição de abertura do comércio em geral. Para o governador, é possível que as políticas de distanciamento social possam ser afrouxadas ou até mesmo endurecidas por cidades, conforme mais dados forem apurados. Leite ressalta que o estudo feito pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel) em parceria com o Estado pode ajudar nessa tomada de decisões até o dia 15.
O levantamento é inédito e buscará conhecer o impacto do coronavírus na população gaúcha a partir desta semana. Agentes coordenados pela UFPel irão realizar até 4,5 mil testes rápidos para estimar a proporção de casos de infecção pela covid-19 no Estado.  


Leitos de UTI
A questão do distanciamento social é crucial, segundo o governador, para que o Estado atinja um patamar de leitos suficientes de UTI para atender a população no momento do pico:
— O grande foco está nas UTIs. Temos cerca de mil leitos de UTI. Se trabalharmos com a taxa de ocupação de 70% para a época de inverno (em razão de outras doenças), teríamos 300 leitos disponíveis para coronavírus. Estamos trabalhando com a possibilidade de ampliar o total em 60%. A questão é ganhar tempo para equipar esses leitos. Tudo já foi pedido. Esse plano já está em implementação, e a expectativa é termos leitos de UTI suficiente para lidar com essa demanda.


› Compartilhe

COLUNAS

Lições de vida

Lições de vida

Coluna da Fé   13/08/2020

Fé e Descrença

Fé e Descrença

Coluna da Fé   13/08/2020

Assumir a responsabilidade que compete

Assumir a responsabilidade que compete

Coluna da Fé   06/08/2020

FOTOS DO DIA

Lua cheia de graça (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

BOLETIM CORONAVÍRUS
14/08/2020SAÚDE
BOLETIM CORONAVÍRUS
Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela