OMS divulga seis critérios para reduzir ou introduzir o distanciamento social

13/04/2020
Fonte: AFP / GaúchaZH

Fonte: AFP / GaúchaZH

A Organização Mundial de Saúde (OMS) divulgou, nesta segunda-feira (13), seis critérios que devem ser considerados pelos países para a possibilidade de redução do distanciamento social, em razão da pandemia de coronavírus, ou mesmo quando e se devem introduzir regras de restrição. Entre eles estão o índice de transmissão, que deverá estar controlado, e boa capacidade de atendimento do sistema de saúde.
— Alguns países e comunidades já enfrentam várias semanas de restrições sociais e econômicas. Outros estão pensando em quando podem colocar em prática essas restrições; outros estão considerando se e quando fazer. Nos dois casos, essas decisões devem basear-se principalmente na proteção da saúde humana e orientadas pelo que sabemos sobre o vírus e como ele se comporta — disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus.
Nos países mais pobres e com uma grande porcentagem de população vulnerável, o diretor-geral ressaltou que as medidas de distanciamento social não podem ser impostas às custas de direitos humanos:
— Cada governo deve avaliar sua situação, protegendo todos os seus cidadãos e, especialmente, os mais vulneráveis.


Veja, em ordem, os critérios indicados pela OMS
1. Transmissão da covid-19 deve estar controlada;
2. Capacidade do sistema de saúde para detectar, testar, isolar e tratar todos os casos;
3. Riscos de surtos minimizados em ambientes como unidades de saúde e asilos;
4. Existência de medidas preventivas nos locais de trabalho, nas escolas e em outros locais que provocam aglomerações;
5. Se os riscos de importação podem ser gerenciados;
6. Comunidades educadas, engajadas e capacitadas para se ajustarem à “nova norma”.


Necessidade urgente de uma vacina
O diretor-geral da OMS ainda estimou ser urgentemente necessária a elaboração de uma vacina “segura e eficaz” para interromper totalmente a propagação do coronavírus. A doença já deixou mais de 115 mil mortos no mundo.
— A era da globalização significa que o risco de que se reintroduza e ressurja a covid-19 pode continuar. Ao final, a produção e a distribuição de uma vacina segura e eficaz serão necessárias para interromper totalmente a propagação — ressaltou Tedros.


› Compartilhe

COLUNAS

Assumir a responsabilidade que compete

Assumir a responsabilidade que compete

Coluna da Fé   06/08/2020

Devagar mas sempre

Devagar mas sempre

Coluna da Fé   06/08/2020

Condição irrecusável

Condição irrecusável

Coluna da Fé   04/08/2020

FOTOS DO DIA

Lua cheia de graça (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela