Concerto com Vladimir Soares é neste domingo na Antiga Matriz

17/08/2019
Fernando Rauber e Vladimir Soares

Fernando Rauber e Vladimir Soares

Neste domingo (18), às 18h, o Espaço Cultural Antiga Matriz (Centro) recebe o concerto de lançamento do primeiro álbum solo do flautista Vladimir Soares. Ele subirá ao palco ao lado de Fernando Rauber (espineta), apresentando sonatas do álbum Anna Bon di Venezia. Radicado na Alemanha, Vladimir cursou dois mestrados na Escola Superior de Música de Stuttgart e ministra aulas de flauta doce em escolas regulares e projetos sociais. O concerto inicia às 18h, com entrada franca, e toda comunidade está convidada a prestigiar. O álbum Anna Bon di Venezia estará à venda no local ao preço de R$ 35.


Vladimir Soares
Natural de Porto Alegre, o flautista e educador musical Vladimir Soares iniciou seus estudos em música aos 11 anos de idade no Projeto Orquestra Villa-Lobos, com a professora Cecília Silveira. Mais tarde aprimorou-se na flauta doce com a professora Mariana Hoffmeister.
Vladimir é formado em Licenciatura em Música pelo IA/UFRGS, com habilitação em flauta doce, na classe de Lucia Carpena. Também concluiu o Curso Técnico em Música pela EST/RS, na classe de Luciane Cuervo e Juliana Pedrini. Ainda no Brasil, foi vencedor do concurso Jovens Solistas da Orquestra de Câmara Fundarte em três edições consecutivas (2008, 2009 e 2010), venceu também o concurso Solistas DEMUS (Departamento de Música da UFRGS) e o Concurso Jovens Solistas da OSPA – Orquestra Sinfônica de Porto Alegre em 2011. É Mestre pela Staatliche Hochschule für Musik und Darstellende Kunst Stuttgart (Escola Superior de Música e Artes Cênicas de Stuttgart), Alemanha, em dois títulos: Mestrado em Música de Câmara e Mestrado em Flauta Doce, sob orientação dos professores Hans-Joachim Fuss e Andrea Buchert, sendo que no Mestrado de Flauta Doce recebeu nota máxima e Láurea Acadêmica, fato que não ocorria na classe de flauta doce desta instituição há 25 anos.
Considerado pela crítica alemã como “Um Paganini da flauta doce”, Vladimir tem se destacado como intérprete de flauta doce, tendo atuado como solista à frente das principais orquestras do RS e da Sttugarter Kammerorchester (Orquestra de Câmara de Stuttgart), da Alemanha. Desde 2001 trabalha como educador musical, lecionando aulas de flauta doce em escolas de música, escolas regulares, ONGs e instituições culturais no Brasil, e atualmente na Alemanha, onde reside desde 2013. Em agosto de 2016, 2017 e 2018 Vladimir apresentou concertos e ministrou masterclasses de flauta doce, em Porto Alegre e Interior do RS quando da sua estada no Brasil.


Fernando Rauber
É bacharel, mestre e doutor em música pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Atua como pianista da Orquestra Sinfônica da Universidade de Caxias do Sul-UCS, desde 2009 e foi docente no Curso de Licenciatura em Música da UCS durante 2011-2017.
Foi um dos laureados no Concurso Jovens Solistas da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre e, como premiação, interpretou em 2006 o Terceiro Concerto para piano e orquestra de Bela Bartók com a OSPA direção do maestro Cláudio Ribeiro. Em 2007, foi selecionado para ser bolsista do Chautauqua Music Festival em Chautauqua, NY, Estados Unidos. Trabalhou como pianista acompanhador do II e III Festival de Música de Câmara da UCS e, durante o os anos de 2009 a 2012, foi pianista do Coro Sinfônico da Orquestra Sinfônica de Porto Alegre (OSPA).
Tem se destacado pela sua intensa atividade em diferentes formações camerísticas. Colaborações recentes incluem recitais de canções norte-americanas com a Dra. Stephanie Tingler (Georgia University-EUA), trios para clarinete, viola e piano com Julia Bullard e Amanda McCandleness (Northern Iowa University-EUA), recital de flauta e piano com Michael Tilt (Noruega), recital de cello e piano com Alan Smith (EUA). Integra também a Sphaera Mundi Orquestra, conjunto porto-alegrense dedicado à música barroca.


› Compartilhe

  • Anúncio Jornal

COLUNAS

E que a terra te seja leve!

E que a terra te seja leve!

Alan Caldas   30/08/2019

Tolerância intolerável

Tolerância intolerável

Pitter Ellwanger   30/08/2019

Playlist #13

Playlist #13

Pitter Ellwanger   30/08/2019

FOTOS DO DIA

Só pelo feriado – Companheiro de todas as horas também merece descanso (Foto: Thaís Lauck)

  • JDI classificados
  • JDI assinatura

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela