“Todos estão revendo seus custos”, afirma diretor da Mega Dance School

21/05/2020
Luísa e Jonatan, proprietários da Mega (Foto: Paulo Oliveira Fotografia)

Luísa e Jonatan, proprietários da Mega (Foto: Paulo Oliveira Fotografia)

Escola de dança com matriz em Novo Hamburgo, a Mega Dance School também é afetada pelos reflexos do coronavírus. “Há consequências abruptas, pois todos estão revendo seus custos. Nossa área está ligada ao lazer, o que faz com que seja a primeira a ser, entre aspas, cortada. Somos, além de uma escola, um grupo de professores que vive da dança, e isso é muito difícil de lidar”, destaca o professor, coreógrafo e diretor da Mega, Jonatan Veloso. “Além disso, somos tomados pela tristeza, por não podermos estar juntos, por termos que adiar projetos e apresentações. A troca de energia faz muita falta, pois a dança é a união, a troca, a liberdade e o amor que transcendem através dos passos e da música”, completa.
O sentimento de saudade se espalha entre os dançarinos. A esposa de Jonatan, Luísa Fischer Veloso, lamenta não poder subir ao palco. “É um vazio difícil de explicar. Estar no palco significa mostrar a quem amamos o nosso esforço, o resultado de muito trabalho e amor. Mais do que o palco, o que nos faz falta é estar na sala, com a nossa “Mega família”; abraçar, ser desafiada nas coreografias, vibrar com os acertos”, relata Luísa.
Atualmente, a Mega tem filial em Dois Irmãos, somando, no total, uma equipe de 13 colaboradores. Diante da situação, a saúde financeira da escola também ficou ameaçada, exigindo que a equipe unisse forças e buscasse novas maneiras de atrair e compartilhar a arte da dança com os cerca de 200 alunos. “Rapidamente, pensamos no projeto de aulas online, através de lives. Fizemos isso com o objetivo de não parar, de conseguir manter ativa a dança; tudo isso pensando em gerar algum ganho para os professores e manter a escola”, comenta Jonatan, afirmando que a ideia deu certo. “No mês de abril conseguimos gerar renda; menos da metade do comum da escola, mas ajudou. Vamos tentar manter em maio, torcendo para que os alunos que adquiriram o pacote online em abril renovem este mês”, completa.


Escola de dança em apresentação no Teatro Feevale (Foto: Paulo Oliveira Fotografia)

 


› Compartilhe

COLUNAS

Assumir a responsabilidade que compete

Assumir a responsabilidade que compete

Coluna da Fé   06/08/2020

Devagar mas sempre

Devagar mas sempre

Coluna da Fé   06/08/2020

Condição irrecusável

Condição irrecusável

Coluna da Fé   04/08/2020

FOTOS DO DIA

Lua cheia de graça (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela