“Este vírus estará conosco por um longo tempo”, alerta diretor da OMS

23/04/2020
Fonte: G1 / Bem Estar

Fonte: G1 / Bem Estar

O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, alertou nesta quarta-feira (22) que a maioria dos países ainda está na fase inicial da pandemia do novo coronavírus – e que ela ainda deve durar “um longo tempo”. “Não se enganem: temos um longo caminho a percorrer. Este vírus estará conosco por um longo tempo”, alertou Tedros. “A maioria das epidemias na Europa Ocidental parece estável ou em declínio. Embora os números sejam baixos, vemos preocupantes tendências ascendentes na África, América Central e do Sul e Europa Oriental. A maioria dos países ainda está nos estágios iniciais de suas epidemias”, disse o diretor-geral.
Tedros acrescentou que há países que foram afetados no início da pandemia que, agora, estão tendo ressurgimento de casos, mas não especificou quais. “Um dos maiores perigos que enfrentamos agora é a complacência. Não há dúvida de que as ordens de ficar em casa e outras medidas de distanciamento físico suprimiram a transmissão com sucesso em muitos países. Mas esse vírus continua extremamente perigoso. As primeiras evidências sugerem que a maioria da população do mundo permanece suscetível. Isso significa que epidemias podem facilmente ressurgir”, afirmou Tedros.


Mais casos na América do Sul, Central e na África
Os especialistas da OMS destacaram a “tendência de aumento” de casos na América do Sul, América Central e no continente africano. “Tivemos um aumento de quase 250% no número de casos no Sudão na última semana. Na Somália, quase 300%. E em muitos outros países, como Tanzânia, Mali, Congo, Gabão, Guiné Equatorial, Cabo Verde e Eritreia, aumentos de mais de 100% na última semana. Em outros países na África, o número de casos aumentou entre 30% e 90%”, ressaltou o diretor de emergências da OMS, Michael Ryan.
Maria van Kerkhove, líder técnica do programa de emergências da OMS, afirma que a situação preocupa. “O que estamos vendo é que uma vez que o vírus tenha oportunidade de se fixar e ser transmitido entre as pessoas, se medidas não forem adotadas, então pode se espalhar muito, muito rápido. E você vê casos dobrando a cada 3 ou 4 dias, o que é incrivelmente rápido”, declarou van Kerkhove.


› Compartilhe

  • Instagram

COLUNAS

Senhor, ensina-me a orar

Senhor, ensina-me a orar

Coluna da Fé   23/10/2020

Misericórdia divina

Misericórdia divina

Coluna da Fé   23/10/2020

A dignidade da família

A dignidade da família

Coluna da Fé   21/10/2020

FOTOS DO DIA

A beleza do beija-flor captado em pleno voo pelo fotojornalista Octacílio Freitas Dias

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela