Vacinação tem grande procura nesta quinta e doses esgotam rapidamente

01/04/2021
Drive-thru ocorreu na Praça do Imigrante

Drive-thru ocorreu na Praça do Imigrante

Leitores ligaram para a redação do JDI na manhã desta quinta-feira (1) para reclamar da falta de vacinas contra Covid-19. A Secretaria da Saúde havia anunciado drive-thru na Praça do Imigrante, das 8h às 14h, para pessoas com 64 a 69 anos. Antes das 9h, no entanto, a ação já estava sendo concluída.

Segundo a enfermeira Melissa Pereira Bolson, responsável pelas imunizações no município, a grande procura surpreendeu. Antes mesmo do início da vacinação, filas se formaram e foi preciso dispensar parte do grupo porque não haviam doses suficientes. “Tivemos uma grande procura na quarta, quando foram aplicadas 330 doses. Para hoje, tínhamos 112”, comentou Melissa. O município deverá receber novas doses nos próximos dias e, a princípio, a vacinação terá continuidade na próxima segunda-feira (5).

                                           

Vacinação na Páscoa?

O Governo do Estado chegou a fazer um apelo, nesta quarta-feira, para que as secretarias municipais de Saúde se organizem e continuem vacinando nos dias que constam como feriado de Páscoa. A respeito desta possibilidade, a Associação dos Municípios do Vale do Rio dos Sinos (AMVARS) divulgou uma nota, destacando que a iniciativa depende da entrega de doses. Leia o que diz o comunicado:

 

O que diz a AMVARS

A fim de alertar a comunidade e evitar falsas expectativas quanto à possibilidade de vacinação contra Covid na Páscoa, em virtude da promessa de envio, na quinta-feira, de 500 mil doses ao RS pelo Ministério da Saúde; a Associação dos Municípios do Vale do Rio dos Sinos – AMVARS, por meio de seu presidente Luciano Orsi, esclarece:

– O anúncio veiculado pela imprensa refere-se apenas a uma PREVISÃO de envio.

– Depois de recebidas pelo Governo do Estado as doses precisam ser pactuadas pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB).

– Posteriormente, precisam ser enviadas às respectivas coordenadorias regionais de saúde. E, por fim, entregues aos municípios.

Tendo em vista a complexidade desse processo, a AMVARS julga temerário alertar a comunidade antes das doses estarem de fato com as respectivas prefeituras. Neste sentido, emite o presente alerta que será enviado a todos os municípios associados. “Sem ter o imunizante na mão é muito temerário criar expectativas nas pessoas. Qualquer atraso compromete toda a organização e as pessoas não merecem passar por isso”, avalia Orsi.


› Compartilhe

FOTOS DO DIA

Todas as fases da Lua têm sua beleza (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2021, Todos os direitos reservados Agência Vela