Agentes Mirins da escola Bruxinha Faceira auxiliam no combate à dengue

02/04/2022
Professora confeccionou placas e cartazes com os alunos

Professora confeccionou placas e cartazes com os alunos

Em meio à situação complicada da dengue no município de Dois Irmãos, surgem os agentes mirins da escola de educação infantil Bruxinha Faceira para auxiliar no combate à doença. A ideia começou com o projeto “Vida secreta dos insetos”, ministrado pela professora Débora Juliana da Silva, aos alunos da turma pré-escolar. “Eles gostam muito de procurar insetos no pátio e temos um observatório deles. Os alunos comentaram sobre a dengue e trouxeram esse tema para a sala de aula. Por isso, começamos estudando o Aedes aegypti”, conta.

As crianças de 5 e 6 anos começaram a aprender sobre o mosquito no início de março. Recentemente, cada um recebeu seu colete e crachá, e o grupo realizou a inspeção do prédio da escola, para verificar se havia algum tipo de água parada. Nenhum foco de dengue foi encontrado e a turma entregou um certificado para a diretora. “A gente vistoriou se não tinha água parada, e não tinha água parada em lugar nenhum”, contou, orgulhosa, a pequena Clara Postai Görgen.

Mesmo sem terem encontrado águas paradas ou o mosquito Aedes aegypti, as crianças mantêm a vigilância em casa, na rua e no ambiente escolar. Um episódio recente foi quando encontraram um ponto de água parada próximo aos carros estacionados na escola e vieram correndo contar sobre o ocorrido. Além disso, os alunos fizeram desenhos e trabalhos manuais relacionados à questão do mosquito, além de placas de proibido deixar água parada.

A professora conta que cada um escreveu uma dúvida sobre o mosquito da dengue. Alguns questionamentos foram: Os mosquitos da dengue dormem?  Os mosquitos da dengue têm mais veneno do que a abelha? As famílias, então, os auxiliaram a pesquisar e depois os alunos apresentaram em aula.

 

 

Crianças ensinam, com suas palavras, o que aprenderam

 

O combate à doença

“Sempre que encontro uma água parada no lixo eu pego com a mão e tiro.”

 

As fases do mosquito e a características dele

“Tem os ovinhos, a larva, a pupa e o mosquito é preto com bolinhas brancas.”

 

Como ocorre o contágio

 “Quando o pernilongo pica uma pessoa que tem o vírus da dengue, passa para o pernilongo, daí ele vai picar outra pessoa e essa pessoa vai ficar com a doença do mosquito.”

 

Quais são os sintomas

“Quando uma pessoa tem dengue, não consegue botar o sapato, não consegue ir para a escola, tem bolinhas vermelhas, fica com febre, dor de cabeça e sangra a gengiva.”

 

(Por Giordanna Benkenstein Vallejos)


Murilo Locadio Siweris, João Donato Pacini Klein, Sofie Engelmann, Sara Jöchins Fortes, Ramiro Fossi Wolski de Oliveira, Clara Postai Görgen, Júlia Bolt Gallas e Larissa Santos Alves


› Compartilhe

GALERIA DE FOTOS

  • doação de sangue
  • Instagram

FOTOS DO DIA

Sentinela – De olhar atento a todos os movimentos (Foto: Octacílio Freitas Dias)

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2022, Todos os direitos reservados Agência Vela