RS tem mais 99 mortes por Covid e registra menor média móvel em mais de quatro meses

02/07/2021
Fonte: G1 RS

Fonte: G1 RS

O mês de julho começa com 99 mortes por Covid-19 no Rio Grande do Sul divulgadas pela Secretaria Estadual da Saúde (SES) nesta quinta-feira (1º). A maioria dos óbitos registrados nas últimas 24 horas aconteceu entre 8 e 30 de junho, além de 10 que são de outras datas entre março e maio. Assim, o RS chega a 31.497 vítimas do coronavírus desde o começo da pandemia. Pela primeira vez, desde 28 de fevereiro, a média móvel de mortes volta ao patamar de 89 óbitos diários. É o menor índice em 123 dias ou mais de quatro meses. Ao contrário daquele período, em que a curva era ascendente, a média diária desta quinta está em queda pelo terceiro dia seguido. Houve, em comparação com duas semanas atrás, uma variação de -21%.

A SES também identificou mais 3.918 infectados com o coronavírus. Com isso, o estado tem 1.219.231 de casos confirmados desde o começo da pandemia. Do total, 1.173.125 (96,2%) são consideradas recuperadas ou em recuperação. Já 14.520 (1,2%) seguem em acompanhamento, e a taxa de letalidade é de 2,6%. A média móvel de casos também segue em queda, com -40% em relação a 14 dias atrás. Houve, em média, 2,8 mil exames positivos por dia, o que reduz a um patamar abaixo de 3 mil casos diários pela primeira vez desde maio e o menor índice desde 22 de fevereiro.

 

Vacinação

O total de moradores do estado que já receberam ao menos uma dose de vacinas contra a Covid chega a 42%. São 4,7 milhões de pessoas que receberam a primeira dose, quase três em cada quatro integrantes dos grupos prioritários. Dessas, 1,85 milhão já completou o esquema vacinal com as duas doses ou com o imunizante de dose única. Isto representa 16,8% do total dos residentes no RS.

 

Hospitalização

Isto se reflete também nas hospitalizações. Na tarde desta quinta, haviam menos de 2,8 mil pacientes nos 3,4 mil leitos de UTI no Estado. A taxa de ocupação era de 82% da capacidade total — o que, no entanto, está acima do nível crítico. Os leitos privados operavam acima de 95% da capacidade, e pelo menos oito das 21 regiões Covid tinham superlotação entre as vagas em hospitais particulares.


› Compartilhe

COLUNAS

Renovação de vida (2)

Renovação de vida (2)

Opinião   28/09/2021

Semana Nacional da VIDA

Semana Nacional da VIDA

Opinião   21/09/2021

FOTOS DO DIA

Um bom lugar para um ninho de passarinho (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2021, Todos os direitos reservados Agência Vela