Frente Parlamentar lança pesquisa para traçar perfil do ciclista gaúcho

08/04/2021
Assunto também será tratado em reunião nesta quinta-feira

Assunto também será tratado em reunião nesta quinta-feira

A Frente Parlamentar em Apoio ao Ciclismo e ao Cicloturismo da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul criou uma pesquisa para traçar o perfil do ciclista gaúcho. A iniciativa tem por objetivo trazer melhorias tanto em rotas para o cicloturismo como para quem utiliza a bicicleta a trabalho ou lazer.

– A partir destas respostas, vamos ter informações importantes sobre o perfil do ciclista no Estado, tendo por objetivo desenvolver políticas públicas voltadas para este setor. O aumento do número de bicicletas nas cidades brasileiras, potencializado com a pandemia, traz, também, a preocupação com a segurança nas estradas, tanto para motoristas como para ciclistas – justifica o deputado estadual Issur Koch (PP), que preside o grupo de trabalho.

De acordo com pesquisa da Associação Brasileira do Setor de Bicicletas (Aliança Bike), as vendas de bicicletas em 2020 aumentaram em média 50% na comparação com 2019. Atualmente, o Brasil é o quarto produtor de bicicleta no mundo, com aproximadamente 4 milhões de unidades ao ano. O professor Astério Mombach, do Departamento de Desporto de Dois Irmãos, destaca que a bicicleta é um meio alternativo de transporte que ajuda a melhorar a questão ambiental e a qualidade de vida das pessoas.

– Fazendo exercícios, o ciclista aproveita o contato com a natureza e relaciona lazer, aventura e turismo numa oportunidade sustentável, relacionando-se com pessoas de diferentes costumes, culturas e, inclusive, idiomas, passeando por estradas secundárias, florestas, riachos, cachoeiras, campos, plantações e morros, já que o trajeto encontra-se na Serra Gaúcha, incentivando o cicloturismo e o turista em si – comenta.

 

CONSCIENTIZAÇÃO

Trabalhar para melhorar as condições de infraestrutura e conscientização no trânsito para uma prática segura do esporte estão entre os objetivos da Frente Parlamentar. Outra proposta é desenvolver campanhas por um melhor convívio entre motoristas e usuários de bicicleta, com respeito mútuo no trânsito. De acordo com informações da Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet), R$ 15 milhões são gastos pelo SUS, todos os anos, para tratamento de ciclistas traumatizados em colisão com veículos no país.

– Isso acontece porque o aumento do número de ciclistas não acompanhou os investimentos realizados em ciclovias ou ciclofaixas. Diante do crescimento do setor, não há mais como imaginar a construção de rodovias ou de terceiras faixas em estradas que não contemplem ciclovias – afirma Issur.

 

REUNIÃO VIRTUAL

Nesta quinta-feira (8), às 19h, a Frente Parlamentar em Apoio ao Ciclismo e Cicloturismo promove uma reunião virtual, que pode ser acompanhada pelo link meet.google.com/bqa-vkqi-aqs.

– Neste encontro queremos ouvir sugestões sobre as primeiras ações de nosso grupo de trabalho na Assembleia Legislativa. Contamos com participação de todos para que, juntos, possamos trabalhar por políticas públicas para este importante setor.

 

LINK DO QUESTIONÁRIO

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScs0Rw1ldsM_l4IHF4XPU2JtCJIcY7ZqWNWNwlUFxjlCorNfw/viewform?fbclid=IwAR0gHAI0rn04RT8BelcTgMWKwJy9FWVfoQnXnZVPp87BUJLXKS4wYPRQUu0


› Compartilhe

FOTOS DO DIA

Todas as fases da Lua têm sua beleza (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2021, Todos os direitos reservados Agência Vela