Salvar e proteger: Entenda mais sobre a profissão do Bombeiro

09/07/2021
Ivan e Monique, da corporação dois-irmonense

Ivan e Monique, da corporação dois-irmonense

No dia 2 de Julho é comemorado o Dia Nacional do Bombeiro. A escolha desta data é uma homenagem a criação do Corpo Provisório de Bombeiros da Corte, inaugurado em 2 de julho de 1856, no Rio de Janeiro.

Os bombeiros têm a importante missão de salvar e proteger a população, sendo um serviço essencial para a sociedade. Monique Graziela Dorscheid está há oito anos trabalhando como bombeira, e Jefferson Henz Ivan está há 13 anos. Ambos soldados na corporação, trabalham no município de Dois Irmãos e contam um pouco sobre a carreira que escolheram.

Monique trabalhava na área da contabilidade antes de ser bombeira, mas devido a uma busca por estabilidade decidiu prestar concurso e mudar de profissão. “A melhor parte foi que aqui descobri que meu trabalho faz a diferença na vida das pessoas, certamente é a melhor recompensa que posso ter: ser chamada e poder ajudar alguém que esteja precisando. Sou muito grata por estar aqui, sinto amor pelo que faço, certamente a melhor decisão da minha vida”, conta ela.

O Corpo de Bombeiros é responsável pela prevenção e combate de incêndios, busca e salvamento de pessoas e animais, proteção de bens materiais e eventualmente realiza atividades de conscientização da população, como na Semana de Prevenção Contra Incêndio e palestras em escolas.

De acordo com Ivan e Monique, a profissão do bombeiro não tem rotina, precisam estar prontos e preparados 24 horas por dia, 7 dias por semana. Atendem os mais variados tipos de situações, por este motivo o treinamento é intenso e todos estão aptos para o atendimento de todo tipo de ocorrência, seja ela na água, na terra ou nas alturas, então, um dos afazeres diários mais importantes, certamente é a conferência dos materiais e viaturas, afirmam.

Os bombeiros normalmente são conhecidos por combaterem incêndios, mas a verdade é que eles atendem em muitos outros tipos de situações, como: acidentes veiculares, resgate de animais em situação de risco, salvamento de pessoas, seja terrestre, aquático ou em altura. O trabalho é bem diversificado, realizam corte de árvores com risco iminente de queda, lavagem de pista, isolamento de via pública quando em alguma situação apresentar risco, entre outras muitas situações que podem surgir no cotidiano do bombeiro.

 

Histórias que marcaram

Monique conta sobre uma experiência de salvamento logo no início de sua carreira que de forma muito especial impactou sua vida. “Uma vez nos chamaram para atendimento de uma parada cardíaca, não sabíamos no momento do chamado, mas no local já havia uma técnica de enfermagem fazendo o primeiro atendimento. Era um senhor, entre 70 e 75 anos, não recordo bem agora, mas acessamos o paciente, imobilizamos, colocamos na viatura e seguimos com as técnicas de ressuscitação até o hospital. Ele foi entregue à equipe médica e ficamos lá um tempo e até aquele momento ele não reagiu; saí de lá triste, pois foi a primeira vez que eu parecia ter ‘perdido alguém’. Mas para minha surpresa, durante a semana, cheguei no hospital para levar outro paciente, e uma das técnicas do hospital me chamou para dizer que aquele senhor, com seus 70 anos tinha recebido alta e, graças ao excelente trabalho, sem sequelas! Aquilo realmente mexeu comigo.”

Para Ivan, uma fala de seu instrutor marcou sua carreira. “No meu curso de formação teve um instrutor que disse que não gostava de trabalhar. Com o passar da instrução ele explicou que quando o bombeiro está trabalhando é porque tem alguma coisa acontecendo de ruim para alguém. Ou é um acidente, ou é um incêndio, ou é um animal que está em situação de risco. Então, quando o bombeiro está trabalhando, geralmente é porque tem alguém que está sofrendo ou porque tem uma coisa que está numa situação complicada. Então é melhor que o bombeiro não tenha nada para fazer, mas que esteja preparado para tudo”, disse ele.

Para entrar na profissão, o segredo, além da coragem, é a força de vontade, segundo o bombeiro Ivan. “Eu tinha um colega que tinha pavor de água, não sabia nadar e persistiu até conseguir. Todo mundo tem medo de alguma coisa, o importante é ter força de vontade para enfrentar os medos”.



 

Quais são os passos para se tornar Bombeiro?

Bombeiro Militar – Ingresso é via concurso público, posterior aprovação de acordo com as etapas previstas nos editais. É necessário frequentar o Curso Básico de Formação de Bombeiro Militar. Existe restrição de idade: 18 a 26 anos não completos. Editais sempre publicados no site do CBMRS (https://www.bombeiros.rs.gov.br/soldado-bombeiro-militar).

Bombeiro Comunitário – O interessado deve procurar o Corpo de Bombeiros e verificar se existe esta modalidade no quartel desejado, para assim preencher uma ficha de inscrição, fazer a apresentação de exames solicitados e frequentar o curso ministrado no Corpo de Bombeiros Militar e posterior cumprir as horas de estágio. No momento não estão sendo realizados novos cursos devido à pandemia, mas o ideal é que o interessado entre em contato para manter-se informado em relação a previsão de datas para novos cursos.

Bombeiro Civil – Empresas particulares são as responsáveis para formação de Bombeiro Civil, sendo que após a conclusão de um curso, este profissional pode ser contratado por empresas particulares para trabalhar na segurança de escolas, festas e eventos.

 

Para saber mais

O efetivo do Corpo de Bombeiros de Dois Irmãos nos dias atuais é de 16 militares, sendo um tenente, três 2º sargentos e 12 soldados (bombeiros militares), além de seis bombeiros comunitários. O comandante da corporação é o 1º tenente Cassius Elias Arejano Pires.

 

(Por Giordanna Benkenstein Vallejos)


› Compartilhe

COLUNAS

Renovação de vida (2)

Renovação de vida (2)

Opinião   28/09/2021

Semana Nacional da VIDA

Semana Nacional da VIDA

Opinião   21/09/2021

FOTOS DO DIA

Decoração do Natal dos Anjos começa a ganhar as ruas de Dois Irmãos

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2021, Todos os direitos reservados Agência Vela