Oscar 2022: No ritmo do coração é o grande vencedor, em noite marcada por tapa de Will Smith em Chris Rock

28/03/2022
Fonte: g1

Fonte: g1

“No ritmo do coração” se tornou o grande vencedor do Oscar 2022 neste domingo (27). Após ganhar estatuetas por ator coadjuvante (Troy Kotsur) e roteiro adaptado, a produção levou o prêmio de melhor filme. Apesar da grande conquista, que inclusive se torna a primeira de uma plataforma de streaming, a Apple TV+, na categoria principal do Oscar, a noite também foi marcada por um tapa, dado por Will Smith em Chris Rock.

 

Além da quebra de tabus na categoria principal, esta edição ainda teve outros grandes momentos inéditos:

– Ao dar a estatueta de melhor direção a Jane Campion por “Ataque dos cães”, a Academia pela primeira vez na história premiou mulheres em dois anos seguidos na categoria (Chloé Zhao venceu em 2021);

– Com o Oscar de ator coadjuvante, Kotsur se tornou o primeiro homem surdo a ganhar nas categorias de atuação;

– Em sua primeira edição com oito categorias consideradas técnicas entregues antes do início da transmissão, “Duna” foi a produção com o maior número total de estatuetas. Ganhou seis de suas dez indicações.

– O Brasil, que podia ganhar seu primeiro Oscar com o carioca Pedro Kos, codiretor do curta documental “Onde eu moro”, vai ter de esperar mais um pouco. Na categoria, o vencedor foi “The queen of basketball”.

 

O tapa

Durante a cerimônia, Chris Rock subiu ao palco para apresentar o vencedor da categoria de melhor documentário. Em seu discurso, ele fez piadas com a cabeça raspada de Jada Pinkett-Smith, mulher de Will, comparando-a com a personagem de Demi Moore, em “Até o limite da honra” (1997).

O ator foi até o palco e deu um tapa na cara do comediante, que ficou sem graça. Entre os presentes e o público nas rede sociais, não ficou imediatamente claro se era um momento combinado ou uma reação genuína. Mas, em seu discurso de agradecimento pelo prêmio de melhor ator, Will pediu desculpas à Academia e aos convidados.

– Virei o pai louco, igual a Richard Williams. O amor nos faz fazer coisas loucas – disse ele, em referência a seu personagem no filme, o pai das tenistas Venus e Serena Williams.

Depois da premiação, a polícia de Los Angeles divulgou que Rock não quis prestar queixas, e a Academia declarou que não apoia violência.

 

Atuações

Ao levar o Oscar como melhor ator por “King Richard: Criando campeãs”, Will conseguiu finalmente uma estatueta após três indicações em anos anteriores. Como melhor atriz, Jessica Chastain confirmou seu leve favoritismo e ganhou por sua atuação em “Os olhos de Tammy Faye”. Também foi seu primeiro prêmio da Academia.

Outra favorita confirmada foi Ariana DeBose como atriz coadjuvante por “Amor, sublime amor”, em sua primeira indicação. Curiosamente, ela levou pelo mesmo personagem que rendeu o Oscar a Rita Moreno em 1962, na versão original do musical.

Entre os demais destaques, estão o Oscar de melhor canção original a Billie Eilish e seu irmão, Finneas O’Connell, por “No time to die” (“007 - Sem tempo para morrer”), e a estatueta de melhor filme internacional para o japonês “Drive my car”.


› Compartilhe

  • doação de sangue
  • Instagram

COLUNAS

Melhor seguir filtrando

Melhor seguir filtrando

Pitter Ellwanger   01/07/2022

Playlist #48

Playlist #48

Pitter Ellwanger   01/07/2022

FOTOS DO DIA

Sentinela – De olhar atento a todos os movimentos (Foto: Octacílio Freitas Dias)

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2022, Todos os direitos reservados Agência Vela