Em 100 dias, Brigada Militar prendeu 24 pessoas em Dois Irmãos

16/12/2019
(Foto: Arquivo JDI)

(Foto: Arquivo JDI)

O número de prisões efetuadas pela Brigada Militar em Dois Irmãos chama a atenção nos últimos meses de 2019. De 1º de setembro a 12 de dezembro, um período de 103 dias, a BM realizou 19 prisões, contabilizando 24 pessoas presas, sendo 21 homens e 3 mulheres. Em comparação ao mesmo período em 2018, este ano já ocorreram quase quatro vezes mais prisões que no ano passado, somando mais que o dobro de pessoas capturadas.
Comandante da BM do município, o tenente Elton Dhein analisou positivamente o trabalho realizado pelo efetivo. O militar destacou que, mesmo diante da atual situação enfrentada no Estado – com a ameaça da provação do pacote do Governador Eduardo Leite, que altera as carreiras e a aposentadoria do funcionalismo – os policiais seguem desempenhando suas funções, para proteger a sociedade.
Ressaltando a importância da ajuda da comunidade, o tenente ressaltou que as prisões se devem, também, às denúncias de moradores, que suspeitaram das ações e imediatamente acionaram a polícia. “Estas informações são cruciais”, reforçou o comandante, pedindo que os munícipes sigam com este olhar atento a veículos e pessoas em atitudes suspeitas. “Seguimos contando com o apoio dos moradores”, completou, lembrando às pessoas que, quando houver qualquer desconfiança, a primeira ligação deve ser para o 190, que é o telefone de emergência da Brigada Militar.  
Para o tenente Elton, o alto índice de prisões também é resultado de um trabalho em conjunto. “As prisões só ocorreram graças a uma união de forças da BM da cidade e guarnições vizinhas, de municípios como Morro Reuter, Ivoti e Estância Velha”, finalizou. 


NÚMEROS
- 19 prisões (em pelo menos 8 casos, a BM precisou realizar a custódia de presos do lado de fora da Delegacia de Pronto Atendimento (DPPA) de Novo Hamburgo, em razão da superlotação nas celas do local
- 24 pessoas presas (21 homens e 3 mulheres)


PESSOAS PRESAS
- Tentativa de homicídio: 1 
- Arrombamento à residência: 5 
- Tentativa de assalto: 1 
- Receptação: 1 
- Arrombamento a estabelecimento comercial: 1 
- Violência doméstica: 7
- Furto de bicicleta: 2 
- Tentativa de furto de motocicleta: 1
- Assalto: 2
- Furto em loja: 1
- Embriaguez: 1 
- Falso testemunho: 1


MAIS INFORMAÇÕES
Das 24 pessoas presas nos últimos meses, 9 eram moradoras de outras cidades, entre elas Ivoti, Novo Hamburgo, Canoas, Viamão e Porto Alegre, e a maioria tinha entre 20 e 40 anos. O mês com o maior número de prisões foi novembro, que registrou 10 casos. Em setembro foram 2, em outubro 4 e até agora em dezembro foram 3. 
Pelo menos 7 das prisões ocorreram durante a madrugada, 5 foram a tarde, 4 a noite e 3 pela manhã. O bairro que mais registrou prisões foi o Centro, 6. As demais capturas ocorreram no São João (3), Vale Verde (2), São Miguel (2), Floresta (1), Portal da Serra (1), Travessão (1), Primavera - BR-116 (1), União (1) e Bela Vista (1). 


› Compartilhe

  • Instagram

COLUNAS

Senhor, ensina-me a orar

Senhor, ensina-me a orar

Coluna da Fé   23/10/2020

Misericórdia divina

Misericórdia divina

Coluna da Fé   23/10/2020

A dignidade da família

A dignidade da família

Coluna da Fé   21/10/2020

FOTOS DO DIA

A beleza do beija-flor captado em pleno voo pelo fotojornalista Octacílio Freitas Dias

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

BOLETIM CORONAVÍRUS
27/10/2020SAÚDE
BOLETIM CORONAVÍRUS
Jornal Dois Irmãos © , Todos os direitos reservados Agência Vela