Atendimento da comunidade é um desafio constante na área da saúde

21/03/2022
Unidade Municipal fica no Centro

Unidade Municipal fica no Centro

Sendo uma cidade com uma população de 6.500 habitantes distribuídos em uma área de 88.066 km², interligada muitas vezes por estradas de chão, manter o acesso à saúde para todos os moradores é um desafio em Morro Reuter. Ana Paula Viebrantz, secretária da Saúde, Meio Ambiente e Assistência Social, conta que o principal local de atendimento é a Unidade Municipal localizada no Centro.

Para atender a demanda do interior, existem pontos de apoio em lugares da comunidade usados, por exemplo, para catequese e para atendimentos médicos, mas que não são exclusivos da área da saúde. Os médicos se deslocam conforme um cronograma para atender as regiões distantes da área central. Como não existe um ponto fixo no interior, a área da saúde recebeu um recurso federal para criar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) nesta região. “Nosso projeto é criar uma unidade que funcione diariamente, o que desafogaria o nosso sistema. Para as pessoas que moram longe é bem difícil de vir até o Centro”, comenta a secretária.

 

Busca por mais autonomia

Pelo fato do município contar com uma unidade básica, muitas vezes é feito o diagnóstico de um problema, mas o tratamento precisa ser realizado para outras cidades. Uma ação para melhorar esse impasse é a contratação de novos especialistas, como traumatologista e urologista. Alguns exames de alta complexidade e cirurgias de pequeno porte são adquiridos na rede particular para reduzir o tempo de espera. “Temos investido nos especialistas, nos exames e na contratação das cirurgias de pequeno porte”, destaca Ana Paula.

 

Reflexos da pandemia

Durante o período com mais casos de coronavírus, os profissionais da saúde precisaram dobrar os turnos. Muitos adoeceram e isso gerou uma sobrecarga destes profissionais. Na atualidade, houve uma redução nos contágios, mas um aumento pela procura de exames e consultas deixadas para depois devido ao isolamento social. “Toda a demanda reprimida estamos suprindo agora”, comenta a secretária. “Durante o período principal da pandemia não perdemos nenhum profissional. Hoje estamos vivendo um período mais tranquilo e a equipe está completa. O importante é que a população não ficou desassistida”, acrescenta.

Os esforços estão voltados também para a atenção pós-Covid, com psicólogos, fisioterapeutas e grupos de idosos que auxiliam na recuperação. Um exemplo para os demais municípios é a quantidade de pessoas vacinadas contra o coronavírus: 93,11% da população acima de cindo anos fez a primeira dose e 86,67%, a segunda. A vacinação de crianças está sendo realizada por agendamento.

 

Crescimento do município

Apesar de todas as dificuldades enfrentadas na área da saúde durante a pandemia, os 30 anos do município merecem ser celebrados. “Estamos muito felizes em participar desses 30 anos de conquistas de Morro Reuter, e percebemos todo o crescimento que a cidade teve nesses últimos cinco anos. Mesmo atravessando a pandemia, a cidade ainda continua crescendo”, conclui a secretária Ana Paula.


› Compartilhe

  • Instagram
  • doação de sangue

COLUNAS

Na madrugada

Na madrugada

Escritores locais   06/07/2022

FOTOS DO DIA

Sentinela – De olhar atento a todos os movimentos (Foto: Octacílio Freitas Dias)

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2022, Todos os direitos reservados Agência Vela