Conheça o tradicional pinheiro de Natal da família Becker

23/12/2021
Marioni e Mauro Becker com os filhos Luiza e Bernardo, e o sobrinho Gabriel

Marioni e Mauro Becker com os filhos Luiza e Bernardo, e o sobrinho Gabriel

Ao entrar na residência da família Becker, é possível se deparar com um grande pinheiro natural no meio da sala do apartamento. Mas o que chama a atenção realmente é o presépio; a riqueza de detalhes e o tamanho faz com que se demore alguns minutos para observar cada decoração que cria uma aura mágica natalina no ambiente.

O presépio fica debaixo das luzes do pinheiro, conta com grama e pequenas flores plantadas, trenzinho que anda, lago com peixes e fonte de água chamando o foco para o elemento principal: a representação do nascimento de Jesus.

 

Um pinheiro cheio de vida

Dentro da árvore, fica escondido o Elfo, um ajudante do Papai Noel que está de olho nas crianças, para ver se elas se comportam e podem ganhar os presentes de Natal.

Com o pinheiro, as flores, a grama e os peixes, o presépio ganha vida e precisa de manutenção diária para se manter bonito. Isso faz com que as crianças interajam e aproxima a família por meio do ato de cuidar, seja dando comida aos peixes ou aparando a grama com uma tesoura. “Se é uma árvore artificial, é muito fácil tirar ela e é mais frio. Aqui, toda a família se reúne, tem os momentos de cuidado”, comenta o pai, Mauro Becker. A filha Luiza Klaus Becker conta, empolgada, sobre o peixinho: “Eu dei o nome de Stacy”.

O Natal da família começa com a coroa do advento. Primeiro, ligam a vela verde, depois a roxa e, por último, a vermelha e a branca. Então, Mauro e a esposa Marioni Klaus Becker explicam aos filhos o motivo da coroa do advento ser redonda, simbolizando que o amor de Deus não tem começo nem fim, dos galhos verdes que representam a esperança da vida e o significado de cada cor das velas. Depois da coroa do advento, eles preparam o pinheiro e, por último, as bolachas de Natal para esperar a chegada do Papai Noel.

 

Tradição de família

A montagem do pinheiro pode levar em média 12 horas para ser concluída.  Mauro possuiu esta tradição desde a sua infância, quando a mãe montava o pinheiro com bolas de vidro, velas e um presépio cheio de detalhes.

Essa dedicação ao Natal e à família passaram de geração em geração, e agora é a vez dos dois filhos do casal, Bernardo e Luiza, viverem a experiência de uma celebração mágica. “Eu disse para mim mesmo que quando eu tivesse meus filhos ia fazer o mesmo presépio que a minha mãe fazia. Eu ia transformar o pinheiro em um instrumento para integrar meus filhos no Natal e ensinar a eles sobre o nascimento de Jesus”, conta Mauro. A esposa Marioni acrescenta: “A nossa ideia é ir criando memórias neles. A gente tenta dar uma infância mais leve para nossos filhos”.

 

Como fazer um pinheiro assim?

Primeiro, é preciso comprar um pinheiro natural e toda noite dar água e gelo. Aspirina também pode ser adicionada na mistura para evitar a proliferação de bactérias e prolongar o tempo útil da árvore, que geralmente dura um mês.

Para fazer o lago, é preciso de altura, por isso Mauro pega caixas de mamão e as coloca ao inverso no chão, quando o pinheiro já está montado. Onde fica o lago, ele deixa a caixa na posição normal e coloca caixas de madeira, dois plásticos, um por baixo e um por cima para evitar vazamentos. Na hora de colocar a grama, bota uma boa camada de terra por baixo para que ela possa se manter crescendo. Quando ele tem essa base pronta, vai montando a decoração por cima das caixas e finaliza com madeiras nas laterais para dar acabamento.


› Compartilhe

GALERIA DE FOTOS

COLUNAS

Além do próprio umbigo

Além do próprio umbigo

Pitter Ellwanger   14/01/2022

Playlist #24

Playlist #24

Pitter Ellwanger   14/01/2022

Playlist #23

Playlist #23

Pitter Ellwanger   07/01/2022

FOTOS DO DIA

Na praia ou em qualquer lugar, a ordem é se exercitar (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2022, Todos os direitos reservados Agência Vela