Estudante de Dois Irmãos participa do programa ‘1000 Girls 1000 Futures’

01/03/2021
Rafaela Julien Nienow diz que o programa 1000 Girls 1000 Futures estimulou a liderança, melhorou seu nível de inglês e ampliou sua rede de contatos

Rafaela Julien Nienow diz que o programa 1000 Girls 1000 Futures estimulou a liderança, melhorou seu nível de inglês e ampliou sua rede de contatos

Rafaela Julien Nienow tem 16 anos, mora em Dois Irmãos e está atualmente no segundo ano do ensino médio na Fundação Liberato (Novo Hamburgo). No ano passado, ela passou na seleção do programa americano ‘1000 Girls 1000 Futures’, sendo uma das 14 escolhidas em todo o país. O programa reúne 1000 meninas de todo o mundo para desenvolverem habilidades de liderança, comunicação e pensamento crítico, para no futuro atuarem na área da ciência.

Ela se inscreveu em julho de 2020, pois queria fazer uma atividade extracurricular além das aulas remotas durante a pandemia. Encontrou o programa na plataforma que visa mostrar oportunidades para jovens que se chama ‘InspiraSonho’. O projeto é inteiramente gratuito e vai de setembro até maio. A cada um mês e meio as participantes são agrupadas em um novo grupo, com discussão de diferentes temas em quatro módulos e trabalhos para serem entregues. Os módulos são de preparação acadêmica, liderança, comunicação e pensamento crítico. É feito um evento em julho que reúne todos os participantes presencialmente nos Estados Unidos, mas neste ano, devido à pandemia, provavelmente será online.

A estudante já participou de três feiras científicas, e conta sobre uma pesquisa que está desenvolvendo neste projeto. “Eu me reuni com mais três meninas desse programa, sendo uma de Singapura e duas dos Estados Unidos. Estamos fazendo uma pesquisa oncológica, na qual a gente pesquisa os fatores externos para o câncer de pulmão, como o clima, a condição socioeconômica ou o estilo de vida que as pessoas dos três países têm, para podermos comparar os dados desses três países diferentes”, explica.

Quando questionada em relação ao futuro, Rafaela admite que ainda não tem uma área definitiva que pretende seguir. “Mas gostaria muito de ser pesquisadora. Eu gosto de pesquisas mais na área de Medicina, Biomedicina e Biologia”, comenta.

 

SAIBA MAIS

A estudante conta que o programa a fez descobrir outras oportunidades e sonhos. Além disso, percebeu que muitos jovens do Brasil não ficam sabendo de oportunidades por falta de divulgação. Para amenizar esse impasse, ela criou o Instagram @Rafsnotes, onde publica atividades que os estudantes podem se engajar.

As inscrições para o 1000 Girls 1000 Futures abrem em julho deste ano e podem ser feitas na página da Academia de Ciências de Nova York. Esse programa é apenas para estudantes mulheres do ensino médio, mas existem outros como o The Junior Academy, para meninas e meninos do ensino médio que desejam trabalhar com pesquisa no futuro.


› Compartilhe

COLUNAS

Maid e Masculinidade

Maid e Masculinidade

Pitter Ellwanger   19/11/2021

Playlist #22

Playlist #22

Pitter Ellwanger   19/11/2021

Um mundo melhor está próximo!

Um mundo melhor está próximo!

Coluna da Fé   09/11/2021

FOTOS DO DIA

A cidade cresce e a paisagem muda (Foto: Octacílio Freitas Dias)

  • Assinatura digital

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2021, Todos os direitos reservados Agência Vela