Mineia Vinch vence ‘Desafrio’ e bate recorde da prova nos 25km

27/06/2022
(Fotos: Divulgação)

(Fotos: Divulgação)

Reconhecida e respeitada nas provas de corrida, Mineia Vinch, da equipe Body’s Julio Pauletti, de Dois Irmãos, foi a grande campeã nos 25 km do 17º Desafrio, disputado no sábado (25) em Urubici (SC), cidade que ostenta o recorde de temperatura mais baixa do Brasil (-17º C).

Além do título, Mineia também bateu o recorde da prova, completando o percurso em 1 hora 47 minutos e 25 segundos, quase sete minutos a menos que o recorde anterior, que era de 1 hora 54 minutos e 13 segundos, tempo feito em 2019 por uma corredora de Florianópolis. “A antiga recordista correu a prova e foi vice. Quebrou o antigo recorde dela e eu quebrei os dois”, comemora Mineia, destacando o bom desempenho de todo o grupo.

Esta foi a primeira vez que atletas da equipe dois-irmonense disputaram a prova. Além de Mineia, o grupo foi representado por outros três atletas: pelo treinador Julio Pauletti, que ficou campeão na categoria M2 - 36 a 45 anos; por Eduarda Altenhofen, que conquistou a 5ª colocação na classificação Geral Feminina; e por Diego Rafael Zimmer, 3º colocado no Geral Masculino. “Foi uma experiência maravilhosa. A prova foi muito difícil, mas recompensadora. Largamos no frio e chegamos com sol”, diz Julio, contando que ao longo do percurso o grupo contou com o apoio da colega de equipe Jaqueline Franke.

Todos os Body’s garantiram vaga no 26º Revezamento Volta à Ilha, que ocorre no dia 1º de abril de 2023, em Florianópolis. Criada em 1996, pela Eco Floripa Eventos Esportivos, mesma empresa que organiza o Desafrio, é considerada a maior corrida de revezamento por equipe em extensão da América Latina, com 140 km.

 

Sobre o Desafrio

A corrida foi criada em 2003 e recebeu o nome de Desafrio como referência a um desafio no inverno. A corrida parte do centro da cidade, a 900m de altitude, em direção ao ponto mais elevado de 1.822m, passando numa parte do Parque Nacional de São Joaquim. No percurso o corredor passa pela floresta úmida, em trilhas, chão de terra batida, pastagens, visualizando na parte mais baixa, araucárias milenares e outras espécies nativas, como xaxins centenários, rios, cachoeira, pássaros e animais exóticos, típicos de regiões de altitude.


› Compartilhe

GALERIA DE FOTOS

  • JDI digital

COLUNAS

Ruminações poéticas

Ruminações poéticas

Pitter Ellwanger   12/08/2022

Playlist #54

Playlist #54

Pitter Ellwanger   12/08/2022

Ruminações ranzinzas

Ruminações ranzinzas

Pitter Ellwanger   05/08/2022

FOTOS DO DIA

Sentinela – De olhar atento a todos os movimentos (Foto: Octacílio Freitas Dias)

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2022, Todos os direitos reservados Agência Vela