Yuri Alberto rende R$ 90 milhões e se torna a maior venda da história do Inter

28/01/2022
Fonte: ge

Fonte: ge

Negociado com o Zenit, da Rússia, Yuri Alberto ainda poderá provar todo seu talento até junho com a camisa do Inter. Depois, deixará o Beira-Rio como a maior negociação da história do clube. Para liberar o atacante, o clube gaúcho bateu pé e exigiu os 20 milhões de euros pretendidos (R$ 120,76 milhões pela cotação atual). O valor é bem superior aos 79,2 milhões que o Chelsea pagou para levar Oscar em 2012.

Bruno Fuchs, vendido em 2020 por 8 milhões de euros ao CSKA, rendeu R$ 51 milhões aos gaúchos, R$ 1 milhão a mais que Aránguiz, negociado com o Bayer Leverkusen em 2015 por 13 milhões de euros. Há outro fator curioso neste contexto. A maior venda de Nilmar pelo Inter ocorreu em 2009, quando saiu por 16,5 milhões de euros para o Villarreal, da Espanha. À época, rendeu R$ 45 milhões. Só que o Inter negociou o atacante em três oportunidades e ainda recebeu R$ 5,5 milhões quando ocorreu a transferência do Lyon ao Corinthians por deter 20% dos direitos econômicos. O combo gerou 27,25 milhões de euros, ou R$ 82 milhões. Ainda assim, bem abaixo de Yuri.

Outras vendas do Inter chamaram atenção. Fred foi para o Shakhtar por 15 milhões de euros, o que rendeu R$ 44,5 milhões. Os ucranianos depois realizaram uma transação com o Manchester United, o que permitiu ao Colorado abocanhar mais R$ 4 milhões. Cenário semelhante ocorreu com Alisson. O goleiro trocou o Beira-Rio pela Roma por 8 milhões de euros, ou R$ 34,7 milhões. Posteriormente, rumou ao Liverpool e deixou mais R$ 16,7 milhões ao clube do coração.

Os números do atacante são tão altos que apenas a fatia destinada ao Inter mantém Yuri no topo de vendas. O Colorado era detentor de 75% dos direitos. Ou seja, pela negociação, tem direito a receber 15 milhões de euros, o que renderá R$ 90,6 milhões aos cofres gaúchos.

– Existem pelo menos três partes nesse processo: jogador, clube adquirente e clube vendedor. As três partes precisam chegar a denominadores comuns, seja de valores, de prazos, de pagamentos. Um conjunto de quesitos que fazem com que a negociação seja complexa. Falamos da possibilidade da maior venda da história do Internacional – anunciou o presidente Alessandro Barcellos ao Central do Mercado, no ge.

Yuri viajou na manhã da quinta-feira (27) a Portugal, onde o Zenit realiza a intertemporada. Ele terá o primeiro encontro com os companheiros e dirigentes, fará exames médicos e, caso aprovado, assinará contrato. Após os trâmites, Yuri volta a Porto Alegre para ajudar o Inter na sequência do Gauchão. O acordo celebrado entre as partes estabelece que o atacante seguirá no clube até junho.


› Compartilhe

  • doação de sangue
  • Instagram

COLUNAS

Melhor seguir filtrando

Melhor seguir filtrando

Pitter Ellwanger   01/07/2022

Playlist #48

Playlist #48

Pitter Ellwanger   01/07/2022

FOTOS DO DIA

Sentinela – De olhar atento a todos os movimentos (Foto: Octacílio Freitas Dias)

O Jornal Dois Irmãos foi fundado em 1983. Sua missão é interligar as pessoas da cidade, levando-lhes informações verdadeiras sobre todos os setores da sociedade local, regional, estadual e nacional.

SAIBA MAIS

SIGA-NOS!

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Jornal Dois Irmãos © 2022, Todos os direitos reservados Agência Vela